Of all the gin joints in the world

Há o café universal a preto e branco, onde ela entra ( logo teve que escolher aquele) pede play it again Sam e é uma bênção ou maldição, como tudo o que de esperado ou inesperado que vale a pena relembrar. Todos temos, mais palmo menos dedo, um café preferido. No meu caso o The Broker… o velho Broker, (clicando no botão “bilder” pode ver-se o interior)

com os espelhos e as madeiras, luvas e cachecóis pousados nas cadeiras, o frio lá fora, e o coração em banho-maria naquilo tudo, cores e espelhos, verniz e tilintares, passos no soalho e línguas estranhas, música. Lá fora, neve, essa tinta correctora que apaga os erros do verão, eléctricos azuis, que mais que uma cor foi a luta do poeta Jan Erik Vold , o tal do post abaixo, para que se mantivessem azuis…

Hoje passei lá à porta do Broker e lembrei-me de um outro café, um café escrito que parece ter sido idealizado por Sterne. Há um blog, o “ sete moinhos e meio”, imagine-se meio moinho, e um Quixote alucinado a combatê-lo, e o título do blog demonstra já o virtuosismo de uma mulher que imagino jovem e que não faço ideia de quem será mais gorda. Escreve bem, muito bem. E escrever, escreveu Sterne no Shandy, se a arte se domina, é nada mais que um outro nome para conversação. Ninguém de seu juízo e em boa companhia se aventuraria a dizer tudo –

so no author, who understands the just boundaries of decorum and good breeding, would presume to think all: the truest respect you can pay to the reader’s understanding, is to halve this matter amicably, and leave him something to imagine, in his turn, as well as yourself.

No “sete moinhos e meio” existe este café escrito para passear uma tarde, para voltar, para imaginar e admirar. É o café do post “Borra do Café“, que é um dos textos mais bonitos que vi na blogosfera portuguesa e que ficou na memória. De vez em quando, volto lá ler aquilo. Nunca texto nenhum que visse me lembrou tão fortemente a frase de Lawrence Sterne.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s