Olav Hauge

Viveu e escreveu num dos mais belos sítios do mundo e até a foto do funeral é uma espécie de digno e belo epílogo da sua obra e vida. Olav Hauge.

Uma das melhores coisas que este blog me deu foi ter entrado um dia por uma livraria dentro para desafiar o Henrique Fialho para um duelo. Daí nasceu uma sã amizade (não mais que hora e pouco de convívio presencial), conversas dispersas, enquanto fumamos um cigarro no intervalo de dizer bem dos livros e dos posts de J. Rentes de Carvalho.

Vejo a foto do funeral de Hauge com a égua fjording e o pequeno potro e penso que Hauge haveria de ter gostado de ver a sua poesia traduzida e publicada naquele blog. Não só da forma como os poemas foram vertidos para uma outra língua, mas do tipo de homem que os traduziu. A não perder, no Antologia do Esquecimento.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s