Descobertas

Voltou, discreta e simpática, olhos doces azuis acinzentados, uniforme um número ou dois acima do seu tamanho; aparece às seis, “rouba-me” fatias de roast beef e baldinhos de arenque em conserva, folhas de salada. Ralho com ela, chamo-lhe pequena escroque, «lille kjeltring»… ri.

Anos atrás, despediu-se. Já a trabalhar em terra, aos vinte e dois, aparecia em poses de nudez na revista norueguesa Vi Menn, num artigo em que as suas declarações revelam mais uma vez o humor e simpatia que lhe conhecemos. Mas nada disso interessou muito. Para surpresa dos colegas, debaixo do uniforme havia um corpo de tágide que não desdenharia ao Camões. Tão orgulhosos ficaram da descoberta que afixaram os posters por tudo quanto era gabinete e sala de fumo. Finalmente tinham-na ali desmascarada, a fingida que debaixo do uniforme anda nua e tem pele e ancas e mamilos.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s