Mais Estado

É errada a ideia (porque se anunciam cortes e emagrecimentos e se grita «menos Estado») de que vem por aí abaixo a rebolar um Estado mínimo. Mais que certo, assistiremos ao contrário: a «mais Estado». Um Estado essencialmente concentrado nas funções extractivas e repressivas aplicadas ao grosso da população. E essas são e sempre foram as  funções distintivas dos Estados. Não se trata de menos Estado, mas de um Estado capturado por, e ao serviço de,… menos gente.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

2 respostas a Mais Estado

  1. hmbf diz:

    Pois claro.

  2. soliplass diz:

    Temo que sim compadre. Tradicionalmente quando a nação se reduz às tripas de meia dúzia, não reduz o número de mercenários e meirinhos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s