Da série debates lamentáveis caídos em esquecimento

Ou daquela vez (ainda o BES era pura solidez) que sua sua asquerosa excrescência se anunciava com muitos conhecimentos e muita experiência:

Reiterando que, caso seja reeleito nas eleições de 23 de janeiro, irá exercer uma “magistratura ativa”, Cavaco Silva assegurou ainda que o objetivo da sua candidatura é “tratar do futuro de Portugal” e dos problemas do país, que não se resolvem com “radicalismos ou extremismos”, com “retórica” ou “ilusões”, nem “repetindo sucessivamente as mesmas palavras”.

Por outro lado, defendeu ainda, a situação que o país atravessa exige um Presidente da República com “muitos conhecimentos e muita experiência”, que contribua para que sejam encontradas soluções.

A especulação dos mercados financeiros internacionais foi igualmente motivo de troca de argumentos entre os dois candidatos, com Francisco Lopes a acusar Cavaco Silva de se ter assumido como “a voz daqueles que estão a especular”.

“Aqueles que insultam os mercados internacionais estão a prejudicar o país”, contrapôs Cavaco Silva, deixando o desabafo: “Deus nos livre de um Presidente que não mede as palavras que diz.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s