el artigo veinte

 

“Todos os meses, os perfeitos do interior vinham buscar a parte dos seus municípios na arrecadação dos impostos. Era de lei. O artigo vinte da Constituição. As gringas sabiam de cor essa parte da legislação. E conheciam os políticos da época como ninguém.

   – Morocha, llegó el artigo veinte.

Era a senha para identificar a entrada de cidadãos deslumbrados, algibeira cheia, ansiosos por mil e uma noites de prazeres.”

Fábio Campana, in  O último tango em Curitiba.

.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s