Libação florestal – a um soldado desconhecido

012

Os cozinha é sempre simples ali no meio da floresta. Forno a lenha, provisões carreadas na mochila penhasco acima. É rara a refeição (tantas vezes acompanhada das Franziskaner Weissbier ou da deliciosa castanhinha da Kieler Brauerei – não deixem de almoçar ou jantar no sítio ao passar por Kiel) que não haja referência à bondade do pretérito arqui-inimigo. Cujo rosto e nome (nem ele nem eu o sabemos) permanece desconhecido. O soldado alemão que aceitou levar da mercearia do seu avô um pequeno embrulho com comida a entregar ao pai, prisioneiro no campo de Grini. E que, descoberto, foi abatido na hora por um oficial; à frente dos olhos do beneficiário.

Fazemos, na floresta que escurece, uma libação a esse homem de boa-vontade. E aos tempos, que vão permitindo não tomar partido apenas por um dos lados.

 

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s