Curiosidades – o Svensson Moto-Serra

Traduzindo livremente daqui (mimos mais que devidos aos leitores do âncoras, pelo denodo e coragem de frequentarem este sítio, ignóbil leprosaria blogosférica) e desta edição original, a nunca aconselhada por marcelo : p.85:

[…]

«Nos anos cinquenta havia uns tipos “coloridos”* no negócio dos moto-serras. A concorrência era feroz; e o ramo atraía parecia atrair gente de temperamento; de«pavio curto». Um personagem lendário foi John Svensson (alcunhado de Svensson Moto-Serra), que importava os moto-serras canadianos Beaver. Durante a guerra tinha sido preso e torturado por pertencer à resistência e as sequelas traduzir-se-iam em dores nas articulações e braços para o resto da vida. E era assim que nas demonstrações dos seus Beaver sempre gabava as propriedades terapêuticas do moto-serra; a vibração minorava-lhe as dores e desbloqueava-lhe as articulações.

Acontecia que Svensson não era de engolir de forma pacífica as contrariedades ao seu negócio. Nessa época, anos cinquenta, ficou tão enraivecido por não lhe ser permitida uma demonstração da nova ferramenta perante uma delegação governamental em excursão que abateu cinco árvores sobre a estrada; impedindo assim o regresso dos burocratas à origem. E quando o jornal de Kongsvinger – o Innlandsposten – o criticou por isso, Svensson entrou pelo gabinete do redactor adentro, puxou o cordel do moto-serra e, máquina a carburar, em urros mecânicos de tinta diabos, cortou-lhe a mesa de trabalho ao meio. Depois pegou no carro e conduziu de volta a Oslo. Passada uma hora ao volante, arrependeu-se. Voltou para trás. Entrou de novo nas instalações do jornal; perante uma redacção do jornal apavorada, pediu desculpa e pagou uma secretária nova.”

[…]

* do termo original “fargerike” – colorido, rico em cores, exuberante.

** com a devida vénia ao manuel.m da Gazeta do Middlesex que me alertou para o sucesso do livro finalmente traduzido em Inglês.

Não me canso de aconselhar este livro (já por duas ou três vezes neste blog), que é (quanto a mim), um troféu numa biblioteca. Para mais comentários, a página da GoodReads sobre o Norwegian Wood: Chopping, Stacking and Drying Wood the Scandinavian Way.

.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

2 respostas a Curiosidades – o Svensson Moto-Serra

  1. MCS diz:

    Esses dois excertos são maravilhosos, se o livro for sempre assim nenhum elogio feito pelo Solipass será em excesso.

  2. soliplass diz:

    Bom, deixando os papéis de lado…

    Concentra-te nisto: https://ancorasenefelibatas.net/2016/02/07/isto-era-so-um-suponhamos/

    Alinhas? como bom home do norte?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s