Arquivos Mensais: Março 2017

precisões

uma menina que sorria quando lhe apanhei o garfo do chão um dia destes no restaurante, um miúdo que brigava (forte) com a avó por querer carregar os sacos do supermercado enquanto escrevia (parcialmente) o último post na esplanada do … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | Publicar um comentário

Entre âncoras e nefelibatas

  Muitas vezes cogitei sobre as razões que escolhi este nome para este blog. Hoje, saindo depois do jantar para um café e jiripiti (aquilo do copo tanto pode ser Jameson como sumo de maçã), na r1100rs (a companha de … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | 2 Comentários

Ler os outros

Trocando a coisa em miúdos, coisa que neste rectângulo (círculo?) de graúdos sempre falta faz, Raquel Varela: Fechar a porta. .

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Publicar um comentário

Anna ao sol

Trouxe-a hoje à esplanada em praça meridional (à praça Sá da Bandeira ou praça do Seminário em Santarém) a apanhar sol. Anna. Anna das terras despovoadas. Anna Widén. Nascida a 4 de Fevereiro de 1890 em Næroset, Ringsaker, falecida a 17 … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | 5 Comentários

Takk for turen – «Obrigado pela viagem»

Como isto também vai servindo para divulgar cultura nórdica, uma curta metragem norueguesa recentemente premiada (legendada em inglês) sobre o amor homosexual e uma vida em comum que chega ao fim:  no site do jornal Aftenposten, «Takk for turen». Digo, … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Publicar um comentário

Saudades

Do meu ribeirãozinho. De o ver contente por ir comigo às compras (de o vestir  e calçar masculinamente) e ao chegar a casa a brincadeira ser sempre a mesma: o tio é que sabe escolher, a tia não sabe comprar … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas | 2 Comentários

Túnel para o Paraíso

É uma das recordações de infância. O encanto que me causavam os túneis de pinheiros mansos, quando, ao lado do meu pai no camião que conduzia, descia do Ribatejo para Sul. Este subsiste ainda, passada Almeirim na direcção de Coruche, … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | Publicar um comentário