Arquivos Mensais: Março 2017

Ditosa casa,

a que tais convidados tem: C. Natálio, no Delito, sobre a violência doméstica. Ou, sobre uma sociedade machista e abrutalhada na qual a intimidade é um factor desculpabilizante e não agravante. .  

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

Sol à quarta

mesmo bom pra repetir o programa .

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | Publicar um comentário

a ver se não me esqueço

de ir ouvir isto. Se bem que a esta buscania de agora, a estes poetas da democracia (despedazadores del vocablo y volteadores de razones), é pena não poder aplicar aquela célebre Premática del desengaño contra los poetas güeros, chirles y hebenes guisada pelo famoso … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | Publicar um comentário

Constitucionalistas de antanho e de agora

Parece estranha hoje a linguagem que os homens de antanho, ao esboçarem as Constituições modernas, usaram: “The aim of every political constitution is, or ought to be, first to obtain for rulers men who possess most wisdom to discern, and … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , | Publicar um comentário

Os tubarões – se outra coisa me atrevo a aconselhar que não favas com chouriço

Volto com maravilhamento e espanto ao grande romance de Jens Bjørneboe Haiene, «Os Tubarões». O último dos seus romances, este volume um exemplar de leitura (não comercializado) dado pela vizinha livreira para leitura de avião. Para os que gostam de histórias (ou romances) marítimos … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , , , | Publicar um comentário

Ler os outros: «A vida não é assim»

  Agora deixando as novidades e indo por lições antigas: um post de Agosto para todo o ano: A vida não é assim, no Mãe Preocupada:   « O discurso de que as crianças precisam de se adaptar a um mundo … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Publicar um comentário

Como lobo a roer ferro

como lobo a roer ferro (expressão da minha avó para designar alguém contrariado) faço o caminho, paro para um café no sitio do costume. E vou demorando… avião para Amsterdão daqui umas horas e a ausência deste viver cordato. Tirando … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário