Memória de cão

IMG_20180506_023349

Portava-se mal ou andava em tropelias e arrastar de tapetes, ouvia-me ralhar. Ameaças de o deixar nas imediações de um restaurante chinês, “dão-te uma passagem no forno, ficas melhor que cabrito!”

Refugiado nos braços da dona a corrobar a história “mas olha só quem vai virar cachorro pururuca… (tostado, segundo o linguajar paranaense), com ar de “não tô nem aí”, em Maio. Tinha três meses e meio.

Água correu, dobrou de peso, sempre brincalhão e afável. Demais: que abala com o primeiro que lhe prometa jogo de bola, que lhe passe de festas a mão no lombo. Outro remédio não fica que ir chamá-lo. Na praia, aqui em Peniche há três semanas, constantemente de prato e caldeira com quem nunca tinha visto mais gordo.

IMG_20180804_135940

Passaram três meses desde que viu a dona, nas últimas férias. Estou curioso de ver como reage amanhã ao ir comigo esperá-la ao aeroporto. Se a reconhece pelo caminhar ao longe. Se se ainda adivinha pelo faro, se tem memória de se abandonar no seu abraço.

Sobre soliplass

email: friluftogvind@gmail.com
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , . ligação permanente.

2 respostas a Memória de cão

  1. hmbf diz:

    🙂 Tu és tramado, pá. Olha a lágrima no canto do olho. Lembrei-me de uma recepção que me foi oferecida há anos, a melhor de todas, a mais entusiasmada, de uma ternura capaz de desarmar brutos. E só descansou quando o tomei no colo, que até lá não parava de saltar à volta das pernas. 🙂 Saúde,

  2. soliplass diz:

    Estou curioso de ver a reacção do bicho. Abraço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s