Arquivo de etiquetas: Crónicas

Raridades e riscos

  Uma raridade, esta crónica no DN e este cronista: um plumitivo que sabe o que é uma paveia, uma enxada e,… roçar mato. Raridade ainda maior, que o o confessa: “A última coisa que um miúdo com 12, 13 … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , | 2 Comentários

Outro terrorismo

  “2  Outro terrorismo: a Corrupção. Ela é o fascismo de colarinho-branco. É também & ainda, por dentro da Democracia, o mais voraz inimigo dos direitos básicos que são a própria essência da dita. O direito ao trabalho, o direito … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , ,

A irmã do príncipe

  Há textos particularmente evocativos. Que conseguem despertar no leitor uma estranha  e poderosa empatia.  É o caso da recente e lancinante crónica de Ferreira Fernandes no DN:   “Como não sou um latinista reputado para dizer que delatar e dedo têm … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

Crónicas

Amanheceu em Oslo chato e cinzento, do céu a cair rápida uma neve molhada – que não vale um caracol para uma volta lá em cima nos caminhos da floresta a aproveitar a tarde de folga. Felizmente há uns bálsamos … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | 5 Comentários

Homenagem (esperta e feliz)

Ao contrário do que muitos apregoam, não é só a insensibilidade social o que por aí se dedica ao pessoal doméstico. A contra-corrente da dita, dá gosto ler a pungente homenagem à senhora Deolinda (esperta e feliz e agradecida) que … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | 7 Comentários

Do fundão

Do fundão do mar, ou um cronista de primeira água.

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | Publicar um comentário

Quando nem todas as crónicas gagejam

Daniel Abrunheiro n’O Ribatejo:  Tresloucada doença prolongada.

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Publicar um comentário