Arquivo de etiquetas: Dulcineias

Deus me perdoe, como dizia a minha avó…

Deus me perdoe (como dizia a minha avó), também eu chorar pipotes vertidos de comoção e solidariedade com o estricote alheio – ao ver por aí escritas as dores enamoradas de tanto sansardoninho (da mais vasta pluralidade de sexos) pela dulcineira parisiense.  Evoca-se-me involuntariamente aquele pobre homem que em escalavrados ermos acutilava … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , | 2 Comentários