Arquivo de etiquetas: Fome

Ignorados

  Se queres morrer ignorado, morre de fome. Os fotógrafos não esperam.   Jan Erik Vold, fragmento de «Os decisivos anos noventa» publicado em Ikke, Gyldendal, 1993.  

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , | 2 Comentários

A roda dos dias

A doca inundada, esperou-se maré-alta. Com bichos deste porte,  de grande calado, evitam-se riscos em águas baixas. Passaram os dias de reparar, pintar e modificar, voltamos à rotina. Trabalhar numa cozinha. Por vezes, como o caso do Verão do ano passado … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | 16 Comentários

No princípio

Numa carta de Dezembro de 1826 a Sainte-Beuve, Flaubert aponta-lhe que (numa crítica anterior) tinha duvidado da realidade daquele mundo descrito em Salammbô: Vous commencez pour doutér de la réalité de ma reproduccion… Volto a ler a passagem do cap. … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , | Publicar um comentário

Isto tá tudo fodido

Recém-chegada de Portugal (ontem) uma colega diz que aquilo por lá anda mau. Fala de gente com lanternas de pilha a pesquisar os caixotes de lixo à noite, semi-encapuçada e de golas subidas. De há um tempo para cá deixa … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | Publicar um comentário