Arquivo de etiquetas: Hofmo

Migalhas, estrelas, mãos

Já a aproximar-se do fim da vida, Gunvor Hofmo publicou no seu livro de 1984 (Stjernene og Barndommen – As estrelas e a infância) um poema sob o mesmo título. A primeira estrofe,   Conheço do marinheiro longas vigias da … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , | Publicar um comentário

Hans Børli – A machada

Pouco dado ao patriotismo, foi com um certo orgulho que via há semanas atrás o livro de Pessoa (poesias de Alberto Caeiro, ao centro) a par dos grandes poetas nacionais na Casa da Literatura em Oslo. Foto de telemóvel, desculpe-se-lhe … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , , | Publicar um comentário