Arquivo de etiquetas: João Cesar das Neves

Complots

Assarapantado de trabalho nem tive tempo ontem de passar pelo momento alto crónico-hebdomadário no DN. Através do Provas de Contacto lá fui dar (já hoje) com a pérola de César das Neves, que – como sempre – é imperdível. César … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , | 4 Comentários

Lembrete

  Ao contrario da RDA nos idos de 1970 – quando a edição semanal da Neue Berliner Illustrierten  era atirada ao lixo por causa do cartoon da autoria de Willi Moese -, às segundas no Portugal de dois mil e trocó-passo … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

A caridade cristã

…a maior força social da humanidade, a caridade cristã, e tal, escreve-nos hoje o doutor César níveo. Dado o “Cædite eos. Novit enim Dominus qui sunt eius” que de  Arnaud Amalric se escreveu, o feito que imortalizou a igreja de Sainte-Madeleine em Béziers, … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

Cyrano de Burrogérac

Plas alminhas, aquilo é imperdível. Arte de sermos cavalgados sob qualquer albarda, do carrego de todo o alforge, do resignado puxo do charrueco a caminho do céu – mete virgens e santos e vacas, merecimentos e diligência,  doutores também – é laudânica … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | 2 Comentários

Calma rapazes e raparigas

Não há razões pra protestos. O segredo, diz-nos quem sabe que não há refeitórios gratis, é aproveitar o que há. Não queiram mais do que já tenham. Mais um grande momento de poesia de João César: “O sol começa a nascer por … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , | Publicar um comentário

Princípios menos maus assentes em religião e pátria

Chego pelo excelente João Tunes do excelente Água Lisa à crónica sólida (como de costume) de um outro João (também este, que se repete semanalmente) que é sólido e consistente como uma Lage. Este alvíssimo João das crónicas, pelos ideais de religião e pátria … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Publicar um comentário

Fruta da época, que de enojamento é temporã

Estamos a chegar ao fim do ano. E o ano começou jornalísticamente mal, com o momento hebdomadário de nojo nacional, na incorrigível “peregrinatio ad locca infecta” a que me vou obrigando.  Ente outras coisas o muy cristianíssimo João César das neves … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , , , | 2 Comentários